Comunicação, educação e vigilância popular em saúde em tempos de COVID-19 – a experiência das comunidades de Niterói, RJ
PDF

Palavras-chave

Comunicação Comunitária
Comunicação Popular
Jovens Comunicadores
COVID-19
Educonectar

Como Citar

Latgé, P., Araújo, D., & Silva Júnior, A. (2020). Comunicação, educação e vigilância popular em saúde em tempos de COVID-19 – a experiência das comunidades de Niterói, RJ. APS EM REVISTA, 2(2), 122-127. https://doi.org/10.14295/aps.v2i2.110

Resumo

O acesso à internet, renda mínima e à segurança alimentar no contexto  do coronavírus (COVID-19) evidenciam a fragilidade social. Neste contexto, um grupo de jovens comunicadores da cidade de Niterói no Rio de Janeiro foi mobilizado pela OSC BemTV Educação e Comunicação para compor um capaz de enfrentar  as dificuldades de acesso à internet e construir coletivamente a checagem de informações, combate a notícias falsas, capilarização do acesso e fortalecimento das políticas e estratégias para conter a exponencialidade da contaminação comunitária.
https://doi.org/10.14295/aps.v2i2.110
PDF

Referências

ARAÚJO I. S, CARDOSO J. M. Comunicação e Saúde. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2007. 152 p. (Coleção Temas em Saúde)

ARAÚJO, I. Razão polifônica: a negociação de sentidos na intervenção social. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 8, p. 46-57, jul./dez. 2003. Número especial.

ARENDT, Hannah. A condição humana. Tradução de Roberto Raposo, posfácio de Celso Lafer. – 10. Ed – Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2007

MACERATA, Iacã; SOARES, José Guilherme Neves; RAMOS, Julia Florêncio Carvalho. Apoio como cuidado de territórios existenciais: Atenção Básica e a rua. Interface (Botucatu), Botucatu , v. 18, supl. 1, p. 919-930, 2014 . Disponível em <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414- 32832014000500919&lng=pt&nrm=iso>. acessos em 06 maio 2020. https://doi.org/10.1590/1807-57622013.0210.

SEVALHO, Gil. Apontamentos críticos para o desenvolvimento da vigilância civil da saúde. Physis, Rio de Janeiro , v. 26, n. 2, p. 611-632, June 2016 . Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73312016000200611&lng=en&nrm=iso>. access on 06 May 2020. http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73312016000200014.

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Downloads

Não há dados estatísticos.